Imagem capa - Pelos olhos da Noiva - Carol e Bartos por Eduardo de Moraes Oliveira
Casamentos

Pelos olhos da Noiva - Carol e Bartos

Olá Povo!

Hoje trago para vocês, o Casamento da Carol e do Bartos, contado pelos olhos da Carol.

Esse casal tem o dom de fazer todos que estão ao seu redor se sentirem especiais, com um carinho imenso em cada detalhe.

Que dia sensacional! (Se você quer ver o casamento completo clique aqui)

Obrigado queridos por dividirem esse dia comigo. Sem mais delongas, vou passar a palavra para Carol.


Pelos Olhos da Noiva - Carol e Bartos



Bom então ai vai minha narrativa mais linda: O dia do casamento, com certeza, para mim foi o dia mais decisivo, mais tenso e mais emocionante vivido até hoje que eu possa mensurar com palavras, desde o acordar, o momento no salão e muiiiiito tempo para pensar nos futuros acontecimentos...



Cada escolhazinha feita iria se realizar naquele dia, eu entraria na igreja e veria tudo o que sonhamos e o que imaginamos, os olhos surpresos (porque eu realmente estava linda kkk), toda dor de cabeça com decisões minuciosas, enfim, traria belos sorrisos e grandes lembranças...



Com certeza todos os momentos vividos naquele dia foram especiais demais, porém tenho uma sequência favorita: meu pai vindo me buscar no carro todo nervoso e emocionado, cada passo nosso até as escadas me dizia que estava valendo a pena...



o olhar brilhante da minha irmãzinha confirmando mais uma vez que a escolha estava valendo a pena, a nossa entrada na igreja e lá na frente dois olhares fixos: minha mãe e meu futuro esposo me dizendo que tudo valia a pena, cada passo dado até o altar; Vendo tudo, agora, observo que um grande homem (meu pai), que entrelaçava o braço dele ao meu, estava me entregando, entregando o seu tesouro, a outro grande homem...



Então, foi confirmado que tudo valeu a pena, através desse ato de confiança e amor, de entrega de minha família ao meu esposo eu percebi o quão Feliz seria! Com certeza, esse foi um dos momentos mais marcantes, existem outros, é claro, porém esse, esse foi o que eu não encontro mais palavras para descrever!